Tijolo Térmico – O que é, Vantagens, Preços e Tudo Mais que Precisa Saber | homify

Tijolo Térmico – O que é, Vantagens, Preços e Tudo Mais que Precisa Saber

Elisabete Figueiredo – HOMIFY Elisabete Figueiredo – HOMIFY
TB Construções
Loading admin actions …

Os materiais e os métodos de construção estão sempre em evolução e por vezes é impossível seguir e conhecer em detalhe o mercado. A informação é muita e dispersa e é por isso que a homify faz questão de o esclarecer e manter actualizado!

Os vestígios mais antigos do tijolo como material de construção datam de 7500 A.C., tratando-se de tijolos de adobe não cozido. O tijolo de barro cozido apareceu um pouco mais tarde e a partir daí tem vindo a ser usado consistentemente nas habitações humanas em larga escala.

Mas, embora o tijolo seja um material de construção largamente utilizado na arquitectura tradicional e tenha já uns milhares de anos de existência, ele não está definitivamente afastado da evolução e cada vez aparecem mais soluções inspiradas nesse material tão versátil, mas com características modernas, que lhes permitem proporcionar melhores condições de eficiência.

O tijolo térmico é um bom exemplo desta evolução, que não põe em causa a essência original do tijolo, mas o dota de melhores características, adaptadas aos dias de hoje. Se está a ponderar materiais para a construção da sua casa, não sabe o que são tijolos térmicos, em quê que se diferenciam dos tijolos tradicionais e que vantagens apresentam, este é o artigo certo para si!

O que é tijolo termico

Neste artigo falamos de tijolo e de construção e iremos ilustrá-lo com imagens de obras dos nossos profissionais. Mas para lhe dar dinamismo, alento e razão decidimos acompanhar cada imagem de obras com uma imagem de ambientes finalizados e maravilhosamente decorados, que beneficiam directamente na sua vivência dos benefícios da utilização do tijolo térmico na construção das suas paredes! Dito isto, passemos às apresentações.


Chamam-se de tijolos térmicos aos tijolos com furação vertical com um sistema de encaixe lateral que favorece o alinhamento e o prumo da parede, e reduz o tempo de execução e o consumo de argamassa no assentamento. Graças ao seu sistema de encaixe e às suas dimensões, este tijolo produz uma alvenaria mais económica, mais fácil de montar e que proporcionam maior eficiência térmica e acústica.

Em termos leigos são tijolos mais grossos, com mais fileiras de furos do que as duas dos tijolos convencionais, e cuja furação não é quadrada mas sim em espinha e desencontrada, o que acaba por fazer uma caixa de ar mais volumosa e eficiente, com menos perdas de calor directas entre as fileiras.

Que tipos de tijolos existem

Há vários tijolos no mercado, com características diferentes que têm comportamentos e prestações diferentes e por isso também têm aplicações diferentes.

Tipos de tijolos no mercado:

  • Tijolo maciço – é aquele tijolo mais antigo e actualmente cobiçado, que produz paredes super interessantes de inspiração industrial, sem espaços vazios.
  • Tijolo Burro – é um tijolo maciço com dimensões específicas que lhe permitem ser disposto de várias formas e assim dar origem a diferentes aparelhos;
  • Tijolo Manual ou tosco – é um tijolo artesanal, moldado à mão;
  • Tijolo Furado ou oco – é tijolo comum, mais utilizado em Portugal para fazer paredes de alvenaria. É atravessado interiormente por canais longitudinais ou transversais.


Tipos de tijolo segundo o material usado na sua produção:

  • Tijolo Holandês: é um tijolo que tem um aspecto vidrado.
  • Tijolo Flutuante: é um tijolo fabricado com magnésio poroso e sílica, o que o torna menos denso do que a água e lhe permite flutuar.
  • Tijolo Refratário: é um tijolo produzido com material refratário, e por isso se torna muito resistente ao calor.
  • Tijolo de vidro – é produzido com duas camadas de vidro, como uma caixa fechada com ar lá dentro.


Tijolo térmico ou bloco térmico?

Apesar destes materiais partilharem algumas características eles têm origens e produções diferentes.

A principal diferença é que tijolo térmico é produzido em cerâmica cozida, como os tijolos comuns, e os blocos térmicos são produzidos em betão, também como os blocos vulgares. Ambos têm desempenhos técnicos melhores dos que os correspondentes tradicionais e por isso serão mais caros, mas disso falaremos mais à frente.


O tijolo é um material mais leve, o que pode ser relevante na construção de determinadas estruturas, mas ambos os materiais serão melhores a isolar a por conseguinte a proporcionar melhores condições nos ambientes finalizados, em especial depois de serem aplicados revestimentos.

Tijolo térmico vantagens

Este material inovador tem bastantes vantagens em relação ao seu congénere tradicional, ou talvez não estivéssemos a falar dele aqui.

Vantagens do tijolo térmico:

Tem uma inércia térmica mais elevada do que a do tijolo comum, como o que vemos na imagem, usado pela CONGRAU ENGENHARIA numa obra específica;

  • Tem mais resistência mecânica, ou seja é mais resistente e duradouro do que o normal;
  • Proporciona mais isolamento térmico e mais isolamento acústico;
  • Apresenta maior resistência ao fogo;
  • Faz um tratamento mais regular das pontes térmicas graças às suas fileiras de furos desencontrados;
  • Tem maior rendimento de assentamento.


Dimensões tijolo térmico e acústico

Normalmente o tijolo térmico e acústico vem em quatro dimensões diferentes, com aplicações mais ou menos distintas:

  •  294 x 187 x 140 mm – é o mais estreito e com menos características de isolamento, mas ainda assim é mais eficiente do que o tijolo comum de duas furações paralelas. É usado para a construção de moradias em zonas mais temperadas ou onde não se requeira tanto isolamento acústico;
  • 294 x 189 x 189 mm – as características de resistência e isolamento vão melhorando com a espessura do tijolo. Esta medida é muito escolhida pelo bom rácio da sua prestação em função do preço.
  • 294 x 189 x 233 mm – as paredes em tijolo térmico são normalmente mais grossas, mas com esta medida serão ainda mais.

294 x 189 x 289 mm - Este é o tijolo térmico mais espesso, que gera paredes verdadeiramente grossas e volumosas, mas também altamente isoladoras para criar ambientes super confortáveis e acolhedores em qualquer estação do ano, como o da imagem seguinte.

Isolamento térmico paredes

A utilização de tijolo térmico não dispensa totalmente a aplicação de materiais isolantes nas paredes, mas este isolamento não precisa de ser tão espesso. A utilização de tijolos térmicos permite atingir os regulamentares para o coeficiente de transmissão térmica (U) das paredes usando uma menor espessura da camada de isolamento.

Este tipo de tijolos é também a base ideal para a aplicação de isolamento pelo exterior, com o sistema ETICS, por exemplo.

Construction Materials Go4cork Ruang Keluarga Modern Sumbat
Go4cork

Construction Materials

Go4cork

Pode unir o tijolo térmico aos mais diversos materiais de isolamento, como a cortiça que vemos na imagem acima, da Go4cork.

Quanto custa o tijolo térmico

O preço dos tijolos térmicos irá variar em função da marca e da espessura adquirida, mas os valores são aproximadamente 0,6 € por tijolo em fábrica, num fornecedor reconhecido no nosso país. Para dimensões aproximadas, na mesma fábrica, um tijolo comum custará 0,4 €.

Agora que já sabe mais sobre este material e sobre os seus custos, leia também o artigo ’Quanto custa construir uma moradia – etapa por etapa’.


Casas inHAUS Rumah Modern

Butuh bantuan dengan projek Anda?
Hubungi kami!

Temukan inspirasi hunian